IML investiga se vegetação tem relação com mortes de cinco crianças no Piauí


 O Instituto Médico Legal do Piauí está preparando uma equipe de estudo para investigar se a morte de crianças na cidade Barra d'Alcântara, a 253 km de Teresina, está relacionada a algum tipo de vegetal da região. Após as análises serem concluídas na capital, será enviada a Brasília uma parte do material retirado do corpo de uma das crianças falecidas recentemente. Entre 2012 e 2017, cinco crianças moradoras do mesmo bairro morreram por causa ainda desconhecida.



O objetivo da análise é a resolução do caso que tem causado apreensão e receio aos moradores da cidade. De acordo com o médico legista Antônio Nunes, diretor da Polícia Técnico-científica do Piauí, as análises estão em curso e uma equipe está em preparação para viajar na quinta-feira (17) a Barra d'Alcântara com o intuito de coletar mais amostras que possam ajudar na identificação das causas da morte dessas crianças.

"Estamos organizando um pessoal para viajar a Barra d'Alcântara e coletar material vegetal. Após examinar o vegetal, enviaremos para Brasília o material colhido do cadáver para que seja analisado", destacou o diretor.

Em entrevista a imprensa, o Secretário de Saúde de Barra d'Alcântara afirmou que a maioria das crianças havia brincado próximo a uma árvore chamada faveira e faleceram horas depois. Ainda não há estimativa de quando o laudo vai estar pronto nem há confirmação de que as mortes estejam relacionadas à planta.

"Todos moravam perto. As crianças mais velhas estavam todas brincando perto de uma faveira (árvore cujo fruto é a fava) e morreram rapidamente, em menos de duas horas no caso dessa última. Elas sentiram náusea, pressão no peito e dor de cabeça e morreram no hospital com insuficiência respiratoria", declarou o secretário.






Fonte: Portal G1 Piauí 


IML investiga se vegetação tem relação com mortes de cinco crianças no Piauí IML investiga se vegetação tem relação com mortes de cinco crianças no Piauí Reviewed by Wellighton Siqueira on 13:50:00 Rating: 5